Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Milorde

O Milorde de ressaca

Milorde, 06.01.23

book-1283865_1920.jpg

Desde pequeno que gosto de ler. Quando comecei a juntar as letras para formar palavras achei aquilo tão interessante que aos poucos já lia frases inteiras, das frases inteiras passei a parágrafos e logo depois já lia um texto sem dificuldade nenhuma, com apenas 6 anos. Sentava-me nas escadas da casa da minha avó enquanto ela lavava a roupa no tanque e lia pequenos contos dos meus livros escolares. Ela escutava-me com interesse e deliciava-se com a minha leitura, dizia a toda a gente que tinha um neto muito inteligente. O mesmo fazia à noite para a minha mãe e os meus tios quando chegavam do trabalho e recebia sempre muitos elogios em troca.

Com o tempo passei a trazer livros para casa da biblioteca da escola. Lia sobretudo livros de aventuras e banda desenhada mas sonhava sempre com o dia em que pudesse e conseguisse ler livros grandes, com muitas páginas, embora tivesse algum receio de não conseguir.

Lembro-me que o primeiro livro que requisitei num biblioteca pública foi "Os Maias" de Eça de Queirós. Não consegui lê-lo até ao fim porque é preciso estar preparado para uma leitura tão exigente a nível de vocabulário e atenção às quais não estava habituado. Porém, comecei a ler os livros do Harry Potter, os do Nicholas Sparks, José Rodrigues dos Santos, Richard Zimler e nunca mais parei.

Quando alcancei a minha independência económica comecei a comprar livros e posso dizer-vos que atualmente tenho mais de 200 livros em casa, a maioria deles ainda por ler! Admito que por vezes compro mais por prazer de os ter cá comigo do que por necessidade e quem é apaixonado pelos livros sabe do que falo.

Li muito, não tenho conta de quantos livros já li e reli na minha vida. Infelizmente, sem razão aparente, esse meu gosto pela leitura esmoreceu, caiu por terra. Não sei o que se passa mas sempre que pego num livro, leio as primeiras páginas depois encosto e não volto a pegar nele. Tenho em stand by o livro "A Amiga Genial" um livro ótimo que tem excelentes críticas e que li já metade, contudo não tenho vontade de voltar a pegar nele. Iniciei também o novo livro de Richard Zimler e voltei a fazer o mesmo.

Dizem que isto se chama ressaca literária que é basicamente aquele sentimento de não querer ler nada. Não sei o que fazer em relação a isso. Penso que será algo que retornará um dia e espero ansiosamente por isso.

Já passaram por uma situação semelhante?

22 comentários

Comentar post